• Erika Yamauti

Movimento Água no Feijão é tema de reportagem no SP1

"Marmita quentinha, coração quentinho", é assim que a dona Umbela, de 80 anos, resumiu o trabalho do Movimento Água no Feijão (MANF). Foram mais de 63.000 refeições distribuídas, de março a dezembro de 2020.

No final do ano passado, justamente na véspera de Natal, o MANF foi tema de uma reportagem do telejornal SP1 da Rede Globo, que falou sobre as coisas que o dinheiro não pode comprar, apresentando projetos sociais que ajudaram as pessoas em 2020.

Na reportagem "Solidariedade para curar as feridas de 2020" de Marcelo Poli, com imagens de Daniel Azevedo e Franklin Feitosa, foi destacado o trabalho do MANF e de mais duas entidades: a Cruz Vermelha Brasileira e a Missão Covid.


"Em um cenário de tanto desafio, tão desesperador, a gente encontrar um propósito e conseguir realizar algo de bom, não tem preço", disse a chef Telma Shiraishi, idealizadora do Movimento Água no Feijão. A matéria também exibiu o depoimento de Murilo Saito, coordenador de Relacionamento com Heliópolis. "Era para ser uma coisa pontual de um mês e devido a todo esse amor envolvido, ele se estendeu e tomou essa proporção, já são 8 meses", comentou.

Essa foi a terceira oportunidade de aparecermos em uma reportagem no SP1. Agradecemos imensamente a todos do SP1 pela divulgação do nosso movimento!


🌠 Confira a reportagem pelo link:

https://globoplay.globo.com/v/9127630/?s=0s




0 visualização0 comentário
Siga-nos nas redes sociais
Contate-nos

© 2020 Movimento Água no Feijão

  • Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Instagram Preto
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Preto Ícone YouTube